13 Livros Infantis com Protagonismo Feminino para Presentear Meninas e Meninos

Protagonismo feminino na literatura infantil é importante tanto para meninas, como para meninos.

livros

Existem dois problemas principais no universo dos livros infantis.

O primeiro é o mesmo que acomete o cinema e a televisão: a falta de representatividade não só feminina, como não-branca. No caso da literatura infantil, no entanto, existem muitos livros que desafiam o padrão de exclusão e estereotipização de meninas e minorias, mas raramente esses livros recebem o mesmo destaque e circulação que as obras convencionais recebem – tanto em livrarias, como em escolas e bibliotecas.  

O segundo problema tem a ver com o marketing de livros infantis, que atua cada vez mais com base em segregação de gênero. Isto é, os livros que trazem protagonismo feminino costumam ter marketing voltado apenas para meninas. E mesmo quando o livro é sobre um menino, mas foi escrito por uma mulher, a galera fica preocupada – vide o que aconteceu com J.K. Rowling. O motivo pelo qual a autora de Harry Potter teve seu primeiro nome suprimido da capa dos livros foi porque a editora achou que o fato de ela ser mulher faria com que os meninos não se interessassem pelos livros.

livrosMas que idiota.

 

Ano passado, a autora de livros infanto-juvenis, Shannon Hale, falou bastante a respeito desse viés de gênero no marketing da literatura infantil. De acordo com ela:

“Porque eu sou mulher, porque alguns dos meus livros têm meninas na capa, porque alguns dos meus livros têm a palavra ‘princesa’ no título, eles são classificados como ‘apenas para meninas’. (…) Escrevi sobre uma princesa ninja, super heroína que luta contra monstros, porque eu sabia que não tinha nada ali que um menino também não gostaria. E mesmo assim, pais, críticos, bibliotecas e livrarias o classificaram como ‘para meninas’. (…) Já ouvi centenas de vezes sobre Jogos Vorazes: ‘Meninos, apesar de ser sobre uma menina, vocês vão gostar!’. Apesar de. Nunca vi, nenhuma vez, dizerem ‘Meninas, apesar de Harry Potter ser sobre um menino, vocês vão gostar!”.

O desabafo da autora veio durante a turnê de divulgação de sua série Academia de Princesas, quando, em uma das escolas visitadas, apenas meninas receberam permissão para ver a palestra. A autora conta que uma professora disse a ela que havia conseguido uma permissão especial para um de seus alunos, que era muito fã de sua série Spirit Animals, mas que ele ficou com vergonha de comparecer.

– Porque a direção já tinha dado a entender que a minha apresentação seria apenas para meninas? – Hale perguntou.

– Sim.”

Alguns anos antes, o mesmo já tinha acontecido em outra escola, mesmo depois de Hale ter pedido explicitamente para a direção deixar tanto meninas como meninos participarem da palestra. Nada feito. Somente meninas puderam ouvi-la falar. Para a palestra de autores homens, no entanto, todos os alunos puderam participar.

A ideia de que meninos só conseguem se interessar por histórias sobre meninos é problemática tanto porque não é verdadeira, como porque perpetua na cabeça desses meninos a noção de que meninas são seres tão diferentes deles próprios que não há como sentir empatia ou identificação pelas suas histórias. Elas são o Outro, e esse Outro só pode ser inferior – até porque se acontece de um menino gostar de algo “de menina” ele é impiedosamente ridicularizado e humilhado. De acordo com Hale:

“A crença de que meninos não vão gostar de protagonistas femininas; a humilhação que acontece – de colegas, pais, professores – quando eles gostam; a ideia de que meninas devem ler sobre meninos e entendê-los, mas meninos não precisam ler sobre meninas; o fato de que ninguém espera que meninos entendam e sintam empatia com a população feminina no mundo…tudo isso leva diretamente a uma cultura que diz a meninos e homens: ‘Não importa como uma garota se sente ou o que ela quer. Você não precisa saber. Ela está aqui para te agradar. Ela está aqui para fazer o que você quer. Ninguém espera que você sinta empatia por meninas e mulher”.

Pensando nesses problemas, reuni abaixo 13 livros infantis (e 1 bônus!) com protagonismo feminino para ajudar a ampliar o leque de representatividade feminina para as próximas gerações. E que fique claro que você pode e deve dar esses livros de presente tanto para as meninas que ama, como para os meninos.

Menina Bonita do Laço de Fita

livros

Autora: Ana Maria Machado

Sinopse: O coelhinho branco quer ter uma filha pretinha como aquela menina do laço de fita. Mas ele não sabe como a menina herdou aquela cor.

Onde comprar: Amazon

Por que só as princesas se dão bem?

livros

Autora: Thalita Rebouças

Sinopse: Com o estilo bem-humorado que é sua marca registrada, a autora desconstrói o fascínio das meninas pelo universo das princesas ao contar a história de Bia, uma menina apaixonada por esse mundo encantando, até o dia em que ela entra numa história e descobre que vida de princesa pode ser muito chata e solitária.

Onde comprar: Amazon

Flora

livrosAutor: Bartolomeu Campos de Queirós

Sinopse: No livro, a menina Flora, observa, contempla, admira, respeita e vivencia zelosamente o ciclo da vida. Surpreende-se diante da força da natureza, da importância da terra para cada novo período de gestação.

Onde comprar: Amazon

Eugênia e Os Robôs

livros

Autora: Janaina Takitaka

Sinopse: Eugênia é uma menina de 11 anos apaixonada por mecânica e elétrica e capaz de consertar qualquer aparelho eletrônico. Seu quarto, repleto de fios e outras traquitanas, parece mais um cenário de filme de ficção científica do que o mundinho cor-de-rosa de uma pré-adolescente! Cansada de tentar entender os seres humanos, que ela considera muito complicados, mas sentindo-se sozinha, Eugênia decide criar seus próprios amigos – companheiros, leais e… devidamente programados por ela. Mas será que esses seres previsíveis conseguirão substituir os amigos de carne e osso de quem Eugênia tanto sente falta, com suas atitudes e pensamentos por vezes indecifráveis?

Onde comprar: Amazon

Cabelo Ruim? A História de Três Meninas Aprendendo

livros

Autora: Neusa Baptista Pinto

Sinopse: A descoberta da beleza própria e a auto-aceitação são o assunto central deste livro. A história da amizade entre três meninas negras e pobres, que enfrentam as manifestações preconceituosas com relação ao seu cabelo crespo e vão, aos poucos, aprendendo a aceita-lo, a brincar com ele e amá-lo do jeito que é. Surgem novos penteados e com eles também novas formas de ver a si e ao outro, coragem e ousadia para fazer e ser diferente.

Onde comprar: Amazon

Bruna e a Galinha D’Angola

livros

Autora: Gercilga Almeida

Sinopse: A obra retrata o universo mítico africano representado pela Galinha d´angola e sua relação com a criação do universo.

Onde comprar: Amazon

Matilda

livros

Autor: Roald Dahl

Sinopse: Matilda adorava ler. Passava horas na biblioteca, lendo um livro atrás do outro. Mas, quanto mais ela lia e aprendia, mais aumentava seus problemas. Os pais viam televisão o tempo todo e achavam muito estranho uma menina gostar tanto de ler. A diretora da escola achava Matilda uma fingida, pois ela não acreditava que uma criança tão nova pudesse saber tantas coisas.

Onde comprar: Amazon

Série Viagens da Bia 

livros

Autor: Ricardo Dreguer

Sinopse: Bia é filha de uma diplomata e viaja com a mãe por diferentes partes do mundo:África, Europa, Ásia… Nessas viagens ela conhece muitas das influências que outros países trouxeram para o Brasil.

Onde comprar: Amazon

Olivia Não Quer ser Princesa

livros

Autor: Ian Falconer

Sinopse: Ser princesa é a fantasia de todas as meninas. Todas? Não é bem assim. Que o diga a porquinha Olivia! Inquieta como sempre, e desta vez mais inconformada do que nunca, ela enfrenta uma crise de identidade infantil. Todas as suas amigas só querem saber de ser princesa, com vestido cor-de-rosa e varinha de condão. Olivia se pergunta; por que é que todo mundo tem de pensar do mesmo jeito, vestir as mesmas roupas, sonhar os mesmos sonhos?

Onde comprar: Amazon

A Princesa e a Ervilha

livros

Autora: Rachel Isadora

Durante dez anos, Rachel Isadora percorreu vários países da África, inspirando-se para adaptar contos de fadas, como esta história de Hans Christian Andersen. Suas ilustrações procuram levar os leitores até as belas paisagens africanas, onde uma pequenina ervilha será capaz de mudar destinos. O esperto João decide assar um bolo para a princesa e ele só precisa agora seguir caminho até o castelo. O que pode dar errado?

Onde comprar: Amazon

Ana Levada da Breca

livros

Autora: Maria de Lourdes Ramos Krieger

Sinopse: Seja você mesmo, é a mensagem que traz a história de Ana. Ser do jeito que todos querem que você seja pode não dar resultados felizes, e, no fundo, ninguém vai ficar contente. Essas verdades são vividas e sentidas por uma criança que, com seu modo único de ver a vida, ensina que tudo é relativo – brigar pode ser sinônimo de amar e a aparente perfeição pode esconder sentimentos muito tristes.

Onde comprar: Amazon

Malala, A Menina Que Queria Ir Para A Escola

livros

Autora: Adriana Carranca Corrêa

Sinopse: No primeiro livro-reportagem destinado ao público infantil, a jornalista Adriana Carranca relata às crianças a história da adolescente paquistanesa Malala Yousafzai, baleada por membros do Talibã aos catorze anos por defender a educação feminina. Na obra, a repórter traz suas percepções sobre o vale do Swat, a história da região e a definição dos termos mais importantes para entender a vida desta menina tão corajosa.

Onde comprar: Amazon

Pretinha de Neve e os Sete Gigantes

livros

Autor: Rubem Filho

Sinopse: Pretinha da Neve morava com a mãe e o rei, seu padrasto, no Monte Kilimanjaro (norte da Tanzânia). Um lugar onde caía neve, por isso muito gelado, mais gelado ainda porque a menina vivia sozinha, já que era a única criança no castelo e não tinha amigos para brincar. Um dia, Pretinha se olhou no fundo do tacho de cobre, em que sua mãe fazia os doces que seu padrasto tanto gostava, e perguntou: ‘Tacho de cobre, existe menina mais solitária do que eu?’. Foi nessa conversa com o tacho de cobre que Pretinha resolveu descer o Monte e conhecer ‘lá embaixo’, um lugar sem neve e, quem sabe, com crianças morando por lá.

Onde comprar: Amazon

Bônus:

As Lendas de Dandara

livros

Autora: Jarid Arraes

As Lendas de Dandara é um livro que mistura ficção, história e um toque de fantasia, onde são narrados dez contos sobre a guerreira quilombola Dandara dos Palmares, companheira de Zumbi dos Palmares. Embora seja voltado para o público adulto e adolescente, As Lendas de Dandara oferece um material inédito para os jovens e pode ser lido para crianças com a mediação de um adulto responsável, por tratar de temas de violência como o tráfico humano e a escravidão.

Onde comprar: Livraria Cultura


Confira outras listas de livros infantis em Geledés, Para Beatriz e Garimpo Miúdo.